TUT e o Teatro Francês

Em 2022, a França celebra os 400 anos de nascimento de uma de suas personalidades mais importantes do teatro: Molière. E, também em 2022, o TUT (grupo de Teatro da UTFPR) comemora seus 50 anos de criação.

Para celebrar essas duas datas, Nos dias 20, 21 e 22 de junho acontece o evento Influências francesas no teatro universitário de Curitiba, organizado em parceria entre a Aliança Francesa de Curitiba, a Universidade Estadual do Paraná e o  Teatro da UTFPR (TUT).

A programação é composta por palestras, exibição de filmes, peças teatrais e uma exposição itinerante, que ficará em cartaz até 05/09.

Venha conhecer mais sobre a cultura francesa e o teatro universitário! O evento é gratuito e não precisa se inscrever antecipadamente.

Confira a programação completa abaixo:

Programação:

  • 20/06 – 19h30 – Palestra “Molière, um mito no teatro brasileiro”, com Prof. Dr. Walter Lima Torres Neto, da UFPR

Miniauditório da UTFPR – sede centro – Av. Sete de Setembro, 3165 – Rebouças

  • 21/06 – 19h30 – Estreia da montagem audiovisual L’Ébloui, do Atelier de Teatro da Aliança Francesa e Unespar – Grupo de Estudos Teatrais em Língua Francesa e bate-papo com o grupo e com Profª. Drª. Nadia Moroz Luciani, da UNESPAR/FAP

Miniauditório da UTFPR – sede centro – Av. Sete de Setembro, 3165 – Rebouças

  • 22/06 – 19h30 – Influências da pedagogia teatral de Jacques Lecoq no processo criativo do espetáculo OCO, do TUT (2019) –  exibição do documentário Les deux voyages de Jacques Lecoq (documentário em francês com legenda em português) e palestra com o Prof. Dr. Ismael Scheffler, do TUT/ UTFPR.

 

Abertura da exposição TUT e o teatro francês.

Teatro Laboratório – TELAB – Unespar/FAP – Rua dos Funcionários, 1756 – Cabral

EVENTO GRATUITO

Realização: Aliança Francesa de Curitiba – UNESPAR – TUT/UTFPR


Exposição “TUT e o teatro francês”

Exposição comemorativa dos 400 anos de nascimento de Molière e dos 50 anos do TUT – Grupo de Teatro da Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Com fotografias de cinco espetáculos:

  • O doente imaginário, texto de Molière, com direção de José Maria Santos (1983-1984)
  • Médico à força, texto de Molière, com direção de José Maria Santos (1989)
  • Ubu rei, texto de Alfred Jarry, com direção de Ismael Scheffler (2008-2009)
  • As criadas, texto de Jean Genet, com direção de Cauê Krüger (2011)
  • OCO, dramaturgia e direção de Ismael Scheffler, sob influência da pedagogia do teatro do gesto de Jacques Lecoq

Onde ver a exposição:

  • De 20 de junho a 08 de julho

Teatro Laboratório – TELAB – Unespar/FAP (Rua dos Funcionários, 1756 – Cabral)

  • De 11 de julho a 05 de agosto

Aliança Francesa de Curitiba (Alameda Prudente de Moraes, 1101 – Centro)

  • De 08 de agosto a 05 de setembro

Pátio coberto da UTFPR – sede centro (Av. Sete de Setembro, 3165 – Rebouças)

Exposição integra a programação do evento Influências francesas no teatro universitário de Curitiba

EVENTO GRATUITO

Atelier dos Profes – Julho

Atelier dos Profes: O percurso parisiense no livro “Nadja”, de André Breton

A obra Nadja, de André Breton, cuja primeira edição data de 1928, é uma das obras mais importantes do Surrealismo, movimento artístico e literário do século XX. O livro reúne bem as principais ideias do movimento: a liberdade de imaginação, o desejo de experimentação e a procura. 

Nadja contém também várias fotografias de assuntos diversos: pessoas, objetos, desenhos, lugares e monumentos. A segunda edição, lançada em 1964, contém um prefácio no qual Breton afirma que a fotografia, um recurso “antilitérario”, teria como objetivo “eliminar toda descrição”. 

Nessa perspectiva, a presença das imagens serviria então para mostrar ao leitor os lugares percorridos, mas sem a necessidade de descrevê-los. Porém, nota-se que tal lógica não seria totalmente seguida. A escolha das imagens, sobretudo aquelas dos lugares percorridos em Paris, sugere um olhar mais minucioso na relação entre as fotografias e a construção da narrativa. 

A ideia é mostrar como Breton compartilha, por meio das fotografias das ruas parisienses, uma Paris construída por seus próprios passos na procura por si mesmo, a busca que abre o livro, a questão: « Qui suis-je ? ». (Quem eu sou?) . Tal busca é desdobrada em divagações, questionamentos, relatos de experiência e encontros ao acaso (incluindo o encontro capital com Nadja) que tentariam respondê-la. A fotografia de lugares seria uma parte relevante nesse processo — que só pode ocorrer nas ruas da Cidade das Luzes, de acordo com Breton. 

Nesse atelier, a Profª Larissa Mendes vai nos guiar pelas páginas do livro, pelas imagens e espaços de Paris, por onde a história se passa.

O atelier é gratuito e será via Zoom, para se inscrever basta acessar o link abaixo e preencher o formulário no Sympla. Se você se interessa por literatura e surrealismo, não perca!


SERVIÇO:

Atelier dos Profes: O percurso parisiense no livro “Nadja”, de André Breton

Ministrante: Profª Larissa Mendes

Quando: 08/07, sexta-feira, às 19h

Online – Via Zoom

Inscrições: https://www.sympla.com.br/atelier-dos-profes—julho__1624584

Gratuito 

Mais informações: https://afcuritiba.com.br/ 

Festival Varilux 2022

O Festival Varilux 2022 está chegando!

Se você é amante de cinema, já conhece o Festival Varilux de Cinema Francês, um festival focado em filmes franceses que já está na sua 13ª edição. Neste ano o festival vai ocorrer entre os dias 23/06 e 06/07, aqui em Curitiba e em várias outras cidades do país.

Entre os filmes selecionados estão 17 obras inéditas e recentes, mais dois filmes clássicos. 

Os detalhes da programação, com as salas de exibição e os horários das sessões, serão divulgados em breve, fique de olho! Aqui na capital paranaense, você poderá ver os filmes no Cineplex Batel, no Cine Passeio e no Cinépolis Batel.


Festival Varilux de Cinema Francês 22 traz  programação com 17 filmes inéditos e  recentes, dois clássicos e séries francesas 

LONGAS RECENTES DOS DIRETORES FRANÇOIS OZON, ASGHAR FARHADI, CÉDRIC KLAPISCH  E JÉRÔME SALLE INTEGRAM A PROGRAMAÇÃO. A DELEGAÇÃO FRANCESA TRAZ 11  CONVIDADOS PARA SÃO PAULO E RIO DE JANEIRO, ENTRE ELES O ATOR GILLES LELLOUCHE 

Rio de Janeiro, 3 de junho de 2022 — O cinema francês com suas histórias ricas, relevantes e  inspiradoras volta à cena com a chegada nas salas dos cinemas da 13ª edição do Festival Varilux  de Cinema Francês 22. Único evento audiovisual realizado nacionalmente e simultâneo em  municípios de quase todos os estados brasileiros, o festival ocorre entre 21 de junho e 6 de  julho e brinda o público com 17 obras inéditas e recentes da filmografia francesa e dois filmes  como homenagem: a um clássico e em comemoração aos 400 anos do dramaturgo francês  Molière. Confira a programação no site: https://variluxcinefrances.com/ 

Na seleção dos inéditos desta edição com temáticas variadas e gêneros como comédia, drama,  suspense e romance estão produções de diretores aclamados internacionalmente e já conhecidos  do público brasileiro como François Ozon (Peter Von Kant), Cédric Klapisch (O Próximo Passo), Asghar Farhadi (Um Herói) e Louis Garrel (Um Pequeno Grande Plano). Integram a programação obras premiadas como O Acontecimento, de Audrey Diwan, vencedora do Leão de Ouro de  melhor filme no Festival de Veneza em 2021; Um Herói, de Asghar Farhadi, vencedor do Grand  Prix no Festival de Cannes de 2021; Contratempos, de Eric Gravel, vencedor dos prêmios de  Melhor Diretor e Melhor Atriz (Laure Calamy) no Festival de Veneza; O Destino de Haffmann, de 

Fred Cavayé, vencedor nas categorias Melhor Atriz e Melhor Filme (Prêmio do Público) no Festival  du Film de Sarlat 2021 e Peter Von Kant, de François Ozon, indicado ao Urso de Ouro de Melhor  Filme no Festival de Berlim em 2022.  

Os fãs irão rever na telona estrelas e astros consagrados como Fanny Ardant (Os Jovens  Amantes), Isabelle Adjani (Peter Von Kant), Virginie Efira (Esperando Bojangles, O Segredo de  Madeleine Collins), Emmanuelle Bercot (Peter Von Kant), Daniel Auteuil (O Destino de  Haffmann), Gilles Lellouche (Golias, Kompromat e O Destino de Haffmann), Denis Ménochet  (Peter Von Kant), Pierre Niney (Golias) e Romain Duris (Esperando Bojangles, As Aventuras de  Molière). Nomes aclamados como Laetitia Casta (Um Pequeno Grande Plano), Cécile de France  (Os Jovens Amantes), Laure Calamy (Contratempos) e Melvil Poupaud (Os Jovens Amantes)  também marcam presença. 

– Estamos sempre atentos para trazer para o festival obras de qualidade e com diversidade de  temas. Sabemos que o público quer rever seus atores e diretores preferidos, mas também  conhecer as novas revelações – comenta Christian Boudier, codiretor e cocurador do festival. 

Atentos às mudanças no mercado audiovisual mundial e particularmente no francês, os diretores  do Festival Varilux resolveram inovar este ano. A edição 22 terá, pela primeira vez, uma mostra  de sete séries francesas inéditas. A curadoria criteriosa já conhecida para os longas-metragens  participantes se estendeu ao formato seriado e produções recentes foram selecionadas para  serem exibidas em São Paulo e no Rio de Janeiro. As cidades recebem ainda uma masterclass e  um encontro profissional durante o festival. E, em data a ser divulgada posteriormente, as séries  serão disponibilizadas para todo o Brasil gratuitamente no streaming. 

O mundo está mudando e o mundo das imagens junto com ele. A pandemia acentuou a  tendência de “consumir” produções no sofá, sob demanda. Nós, que amamos tanto o cinema,  vamos sempre incentivar que a experiência de assistir aos filmes seja nas salas de cinema, neste  lugar mágico. Mas sabemos que existem ótimas produções sendo feitas e assistidas em outras  telas. E não podíamos deixar de trazer para o público brasileiro, que sempre prestigiou o  festival, um pouco das séries francesas que estão sendo produzidas – ressalta Emmanuelle  Boudier, codiretora e cocuradora do festival. 

O Festival Varilux de Cinema Francês é realizado pela produtora Bonfilm e tem como  patrocinadores principais a Essilor/Varilux e a Pernod Ricard/Lillet, além do Ministério do  Turismo, Secretaria Especial da Cultura e a Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro, Secretaria  Municipal de Cultura. Outros parceiros importantes são as unidades das Alianças Francesas em  todo Brasil, a Embaixada da França no Brasil, as empresas Club Med, Air France e Ingresso.com,  além das distribuidoras dos filmes Bonfilm, California Filmes, Elite Filmes, Mares Filmes, Synapse  e Zeta Filmes e os exibidores de cinema independente/de arte e as grandes redes de cinema  comercial. Entre os parceiros de mídia estão AdoroCinema, Arte1, Canal Curta!, Filme B e Papo  de Cinema. 

Para download de fotos dos filmes, acesse: filmes Festival Varilux 2022 Para download da vinheta, clique aqui: Vinheta Festival Varilux 22 

Para imagem do cartaz, acesse: cartaz Festival Varilux 2022 

Para download de fotos das séries, acesse: séries Festival Varilux 2022  Para a logo da edição Varilux 22, clique em: Logo Varilux22 

A DELEGAÇÃO 

Uma delegação artística composta de 11 profissionais marca presença em São Paulo e no Rio de  Janeiro para apresentar suas obras, entre filmes e séries, e conversar com o público. Para falar 

de seus longas-metragens estarão o ator Gilles Lellouche – protagonista em O Destino de  Hoffman, Kompromat e Golias – e os cineastas Carine Tardieu (Os Jovens Amantes), Jérôme  Salle (Kompromat), Diastème (O Mundo de Ontem), Eric Gravel (Contratempos) e Régis  Roinsard (Esperando Bojangles). Para apresentar as séries e participar do encontro profissional  os convidados são: o diretor Jean-Philippe Amar (As Sentinelas), o roteirista Antoine Lacomblez 

(Jogos de Poder e O que Pauline Não Diz), o produtor Alexandre Piel (ARTE), a produtora Soizic  Gelbard (Gaumont) e a distribuidora Isabella Barsumian (Federation Entertainment). 

O LAB 

Atividade integrante do Festival Varilux de Cinema Francês, o 5º Laboratório Franco Brasileiro de Roteiros foi confirmado para as datas entre 20 e 24 de junho no Rio de Janeiro.  Com inscrições prévias, o programa é destinado a roteiristas, diretores e realizadores e propicia  o desenvolvimento da escrita de projetos de roteiros de longa-metragem e de séries de TV. O  LAB é coordenado por François Sauvagnargues, especialista de ficção e ex-diretor geral do FIPA,  Festival Internacional de Programação Audiovisual (Biarritz, França), e tem como professores os  roteiristas Corinne Klomp, Pascale Rey, Jean-Marie Chavent e Nicolas Clément, todos  integrantes do Conservatório Europeu de Escrita Audiovisual (CEEA). Dezesseis participantes  foram selecionados e irão trabalhar em quatro grupos durante cinco dias.  

AS CIDADES 

Já estão confirmadas as seguintes cidades nesta edição do Festival Varilux: Afogados de Ingazeira  (PE), Aracaju (SE), Araraquara (SP), Arcoverde (PE), Belém (PA), Belo Horizonte (MG), Botucatu  (SP), Brasília (DF), Campinas (SP), Campo Grande (MS), Caruaru (PE), Caxias do Sul (RS), Cotia  (SP), Cuiabá (MT), Curitiba (PR), Florianópolis (SC), Fortaleza (CE), Garanhuns (PE), Goiânia  (GO), Indaiatuba (SP), João Pessoa (PB), Jundiaí (SP), Londrina (PR), Maceió (AL), Manaus (AM),  Maringá (PR), Natal (RN), Niterói (RJ), Ouro Preto (MG), Palmares (PE), Palmas (TO), Pelotas  (RS), Petrolina (PE), Porto Alegre (RS), Recife (PE), Ribeirão Preto (SP), Rio Branco (AC), Rio de  Janeiro (RJ), Salvador (BA), Santos (SP), São Carlos (SP), São Luis (MA), São Paulo (SP), Teresina  (PI), Vitória (ES), Volta Redonda (RJ). A lista de cidades e de cinemas participantes será  continuamente atualizada no site do festival: https://variluxcinefrances.com/2022. O valor do  ingresso é o já cobrado por cada exibidor

A SELEÇÃO  

A curadoria do Festival Varilux de Cinema Francês procura sempre trazer o melhor da  cinematografia francesa atual para o público brasileiro. Filmes inéditos de diversos gêneros – como drama, comédia, suspense, aventura e romance – exploram temas dos mais clássicos aos  mais contemporâneos através de grandes elencos. Este ano, entre as estrelas do festival estão  Fanny Ardant, Daniel Auteuil, Isabelle Adjani, Gilles Lellouche, Cécile de France, Pierre Niney,  Emmanuelle Bercot, Romain Duris e Grégory Montel.  

Presente na programação pelo oitavo ano, o diretor François Ozon estará representado com seu  mais novo filme: Peter Von Kant, que abriu em fevereiro último o Festival de Cinema de Berlim e concorreu ao Urso de Ouro. Baseado em “As Lágrimas Amargas de Petra Von Kant”, obra-prima  do cineasta alemão Rainer Werner Fassbinder, o longa troca a personagem Petra por Peter, que  se envolve amorosamente com o jovem Amir, e marca, assim, a volta de Ozon à temática  LGBTQIA+.  

O Acontecimento, da diretora franco-libanesa Audrey Diwan, traz um assunto que está  constantemente na ordem do dia: o aborto. Premiado com o Leão de Ouro de Melhor Filme no  Festival de Cinema de Veneza de 2021, o longa é uma adaptação do romance homônimo de Annie  Ernaux e conta a história de uma jovem que, em plena década de 1960, toma a difícil decisão  de interromper sua gravidez.

Para os fãs de suspense, duas produções para não tirar o olho da tela. Em Golias, um thriller  com denúncia ambiental de Frédéric Tellier, uma professora de esportes, um advogado  ambiental e um lobista veem suas trajetórias se entrelaçarem após um trágico acontecimento.  Já em Kompromat, de Jérôme Salle, a espetacular fuga de um diretor da Aliança Francesa da  Sibéria, vítima de uma trama orquestrada pelo Serviço Federal de Segurança da Rússia. 

As comédias dramáticas, tão características do cinema francês, não poderiam faltar. Em  Esperando Bojangles, de Régis Roinsard, a relação de um casal apaixonado se completa com a  chegada do filho. Até que um dia tudo muda, e pai e filho fazem o impossível para a vida voltar  ao que era antes. O filme é baseado no best-seller homônimo de Olivier Bourdeaut. Em Querida  Léa, de Jérôme Bonnell, o protagonista Jonas decide, após uma bebedeira, visitar sua ex 

namorada, Léa, por quem ainda é apaixonado. Ao ser rejeitado, ele vai a um café para escrever lhe uma última carta de amor, despertando a curiosidade do dono do estabelecimento.  

Os que gostam de dar boas risadas diante de um filme poderão assistir às comédias Entre Rosas,  de Pierre Pinaud, e Um Pequeno Grande Plano, de Louis Garrel. A primeira conta a história de  Eve Vernet que, antes a maior criadora de rosas, hoje vive à beira da falência. A solução para  salvar a fazenda: contratar três ex-presidiários que não têm nenhum conhecimento de  jardinagem. Na outra comédia, Joseph, de 13 anos, está vendendo seus bens mais valiosos para  financiar um projeto ecológico na África. Mas para a surpresa dos pais, ele não é o único.  

No gênero drama são várias as opções. Em O Próximo Passo, de Cédric Klapisch, uma jovem e  promissora bailarina clássica se machuca após flagrar a traição do namorado. Ela luta para se  recuperar, buscando novos rumos no mundo da dança contemporânea. O Mundo de Ontem, de  Diastème, conta a história de uma Presidente da República que opta por deixar uma vida política  bem-sucedida. Porém, pouco antes do primeiro turno das eleições, um escândalo atrapalha o  desempenho de seu sucessor de confiança e pode dar a vitória ao candidato de extrema-direita.  Eles têm três dias para mudar o curso da história. Já em O Segredo de Madeleine Collins, de  Antoine Barraud, Judith leva uma vida dupla entre dois países, dois amantes e filhos diferentes  com cada um. Aos poucos, esse frágil equilíbrio de segredos começa a se despedaçar. 

Ainda entre os dramas, Os Jovens Amantes, da diretora Carine Tardieu, traz a história de dois  amantes que se reencontram no corredor de um hospital, 15 anos após o primeiro contato. Shauna  tem 71 anos, Pierre tem 45. Eles se reconectam, enquanto Shauna – que é avó e viúva – quer se  reafirmar como mulher e mostrar que a diferença de idade não importa. Em Sentinela do Sul,  de Mathieu Gérault, o soldado Christian Lafayette volta à França, após uma operação que dizimou  sua unidade. Ele tenta retomar a vida, mas se envolve no tráfico de ópio para salvar dois militares  sobreviventes. Um Herói, de Asghar Farhadi, mostra que Rahim está preso por conta de uma  dívida. Ao ser dispensado da cadeia por dois dias, tenta convencer seu credor a retirar a queixa,  mas nada acontece como planejado.  

Outro drama de destaque é Contratempos, de Eric Gravel. Nele, Julie luta sozinha para criar  dois filhos no subúrbio e manter seu emprego em Paris. Quando ela finalmente consegue uma  entrevista para um cargo desejado, uma greve geral paralisa o transporte. Ela, então, embarca  em uma corrida para salvar seu emprego e sua família. Por fim, o drama histórico O Destino de  Haffman, de Fred Cavayé, se passa em Paris, em plena Segunda Guerra Mundial. Um homem 

comum que sonha em começar uma família trabalha para um talentoso joalheiro, o Sr. Haffmann.  Mas frente à ocupação alemã, eles precisam honrar um acordo que afetará seus destinos.  

A atração para toda a família é a aventura King – Meu Melhor Amigo, que conta a história de um  filhote de leão traficado, que foge e encontra abrigo na casa de Inès e Alex, de 12 e 15 anos. Os  irmãos bolam um plano maluco: levar King de volta à África. O filme foi dirigido por David  Moreau.

OS CLÁSSICOS 

Em suas edições, o Festival Varilux de Cinema Francês faz uma reverência aos grandes filmes,  diretores e demais profissionais que marcaram a cultura francesa. Este ano, serão duas  homenagens: a um clássico da cinematografia do país, O Papai Noel é Um Picareta, de Jean Marie Poiré, e aos 400 anos de nascimento de Molière, um dos maiores nomes de sua dramaturgia,  através do filme As Aventuras de Molière, de Laurent Tirard e Ariane Mnouchkine.  

AS SÉRIES 

Para mostrar a potência do audiovisual francês, o Festival Varilux de Cinema Francês promove  uma mostra com uma seleção de sete séries francófonas inéditas no Brasil: Cheyenne e Lola, As  Sentinellas, Jogos do Poder, O que Pauline não diz, Ópera, Síndrome E e A Corda. É a primeira  vez que um festival apresenta produções desse tipo nos cinemas.  

São Paulo e Rio de Janeiro foram as capitais escolhidas para a exibição das séries, entre 20 e 22  de junho, com debate com convidados para falar sobre o formato. Ainda haverá uma masterclass  em cada cidade e encontro de profissionais. As aulas serão ministradas pelo ator e diretor  Antoine Lacomblez e pelo roteirista Jean-Philippe Amar – ambos fazem parte de produções que  compõem o line-up.  

As atividades são gratuitas e sujeitas a lotação. Em São Paulo, a masterclass será no dia 21 de  junho, às 17h, no Teatro da Alliance Française, na Vila Buarque. Já no Rio de Janeiro, está  marcada para o dia 24 de junho, às 17h, no cinema Estação Net Rio, em Botafogo. As séries serão  apresentadas nos mesmos locais; em São Paulo, entre 20 e 22 de junho, enquanto no Rio, as  exibições ocorrem nos dias 22 e 24. 

FILMES DA PROGRAMAÇÃO 

CONTRATEMPOS (A plein temps)  

2022/ 1h28 / Drama 

Com: Laure Calamy, Anne Suarez, Geneviève Mnich 

Classificação etária: 14 anos  

Direção: Eric Gravel 

Distribuição no Brasil: Bonfilm 

Sinopse: Julie luta sozinha para criar seus dois filhos no subúrbio e manter seu emprego em Paris. Quando  ela finalmente consegue uma entrevista para um cargo correspondente às suas aspirações, uma greve  geral eclode, paralisando o transporte. Ela então embarcará em uma corrida frenética para salvar seu  emprego e sua família. 

Vencedor dos prêmios de Melhor Diretor e Melhor Atriz (Laure Calamy) no Festival de  Veneza. Indicado para a categoria de Melhor Filme.  

ENTRE ROSAS (La Fine Fleur) 

2021 / 1h36 / Comédia 

Com: Catherine Frot, Melan Omerta, Fatsah Bouyahmed 

Classificação etária: Livre 

Direção: Pierre Pinaud 

Distribuição no Brasil: California Filmes  

Sinopse: Eve Vernet foi a maior criadora de rosas. Hoje, está à beira da falência, prestes a ser comprada  por um poderoso concorrente. Véra, sua fiel secretária, acha que encontrou uma solução ao contratar três  presidiários que tentam se reinserir na sociedade, mas que não tem nenhum conhecimento de jardinagem.  Enquanto quase tudo os separa, eles embarcam juntos em uma aventura singular para salvar a pequena  fazenda.  

Selecionado para o L’Alpe-d’Huez Film Festival.  

ESPERANDO BOJANGLES (En attendant Bojangles)  

2022 / 2h05 / Comédia, Drama 

Com: Romain Duris, Virginie Efira, Grégory Gadebois

Classificação etária: 14 anos 

Direção: Régis Roinsard 

Distribuição no Brasil: California Filmes 

Sinopse: Camille e Georges dançam todas as noites ao som de sua música favorita, Mr Bojangles. Em sua  casa, só há espaço para diversão, fantasia e amigos. Até que um dia Camille, uma mulher hipnotizante e  imprevisível, desce mais fundo em sua própria mente, e Georges e seu filho Gary precisam mantê-la  segura.  

GOLIAS (Goliath)  

2022 / 2h02 / Drama, Suspense 

Com: Gilles Lellouche, Pierre Niney, Emmanuelle Bercot 

Classificação etária: 14 anos 

Direção: Frédéric Tellier 

Distribuição no Brasil: Bonfilm 

Sinopse: France, professora de esportes durante o dia, trabalhadora à noite, é uma ativista contra o uso  de pesticidas. Patrick, um obscuro e solitário advogado parisiense, é especialista em direito ambiental.  Mathias, lobista brilhante e apressado, defende os interesses de um gigante agroquímico. Seguindo o ato  radical de uma pessoa anônima, esses três destinos, que nunca deveriam ter se cruzado, se acotovelam,  colidem e se inflamam.  

Mais de 680 mil espectadores na França  

KING – MEU MELHOR AMIGO (King) 

2022 / 1h45 / Aventura, Família 

Com: Gérard Darmon, Lou Lambrecht, Léo Lorléac’h 

Classificação etária: Livre 

Direção: David Moreau 

Distribuição no Brasil: BF Films 

Sinopse: King, um filhote de leão traficado, foge do aeroporto e encontra abrigo na casa de Inès e Alex,  de 12 e 15 anos. Os irmãos bolam um plano maluco: levar King de volta para casa, na África.  

KOMPROMAT  

2022 / 2h07 / Drama, Suspense 

Com: Michael Gor, Gilles Lellouche, Joanna Kulig 

Classificação etária: 14 anos 

Direção: Jérôme Salle 

Distribuição no Brasil: Mares Filmes 

Sinopse: A espetacular fuga de um diretor da Aliança Francesa da Sibéria. Vítima de uma trama  orquestrada pelo FSB (Serviço Federal de Segurança da Rússia), esse intelectual terá que se transformar  em homem de ação para escapar de seu destino.  

O ACONTECIMENTO (L’événement)  

2021 / 1h40 / Drama 

Com: Anamaria Vartolomei, Kacey Mottet Klein, Luàna Bajrami 

Classificação etária: 16 anos 

Direção: Audrey Diwan 

Distribuição no Brasil: Zeta Filmes 

Sinopse: Uma adaptação do romance homônimo de Annie Ernaux. França, 1963. Anne, uma estudante  promissora, engravida. Ela decide abortar, pronta para fazer qualquer coisa para se livrar do bebê e ser  dona de seu próprio corpo e de seu futuro. Ela se envolve sozinha em uma corrida contra o tempo,  desafiando a lei.  

Vencedor do Leão de Ouro de melhor filme no Festival de Veneza em 2021.  

O DESTINO DE HAFFMANN (Adieu Monsieur Haffmann)  

2022 / 1h56 / Drama, Histórico 

Com: Daniel Auteuil, Gilles Lellouche, Sara Giraudeau 

Classificação etária: 14 anos 

Direção: Fred Cavayé 

Distribuição no Brasil: Synapse 

Sinopse: Paris, 1941. François Mercier é um homem comum que sonha em começar uma família com a  mulher que ama, Blanche. Ele trabalha para um talentoso joalheiro, o Sr. Haffmann. Mas frente à ocupação  alemã, os dois homens não terão outra escolha senão concluir um acordo cujas consequências perturbarão  seus destinos.  

Vencedor nas categorias Melhor Atriz e Melhor Filme (Prêmio do Público) no Festival du Film  de Sarlat 2021.  

O MUNDO DE ONTEM (Le monde d’hier)  

2022 / 1h29 / Drama 

Com: Léa Drucker, Denis Podalydès, Alban Lenoir 

Classificação etária: 14 anos 

Direção: Diastème 

Distribuição no Brasil: Bonfilm 

Sinopse: Elisabeth de Raincy, Presidente da República, optou por se aposentar da vida política. Três dias  antes do primeiro turno das eleições presidenciais, ela fica sabendo por seu secretário-geral, Franck  L’Herbier, que um escândalo do exterior atrapalhará seu sucessor designado e dará a vitória ao candidato  de extrema-direita. Eles têm três dias para mudar o curso da história. 

O PRÓXIMO PASSO (En corps)  

2022 / 1h57 / Drama 

Com: Marion Barbeau, Hofesh Shechter, Denis Podalydès 

Classificação etária: 12 anos 

Direção: Cédric Klapisch 

Distribuição no Brasil: Bonfilm  

Sinopse: Elise, uma jovem e promissora bailarina clássica, se machuca em uma apresentação após flagrar  a traição do namorado. Apesar dos especialistas dizerem que ela não conseguirá mais dançar, Elise vai  lutar para se recuperar, buscando novos rumos no mundo da dança contemporânea.  

O SEGREDO DE MADELEINE COLLINS (Madeleine Collins) 

2021 / 1h42 / Drama 

Com: Virginie Efira, Quim Gutiérrez, Bruno Salomone 

Classificação etária: 14 anos 

Direção: Antoine Barraud 

Distribuição no Brasil: Synapse  

Sinopse: Judith leva uma vida dupla entre a Suíça e a França, com dois amantes e filhos diferentes. Por  um lado Abdel, com quem cria uma menina, por outro Melvil, com quem tem dois meninos mais velhos.  Pouco a pouco, esse frágil equilíbrio de mentiras, segredos e idas e vindas começa a se despedaçar.  

OS JOVENS AMANTES (Les jeunes amants)  

2022 / 1h54 / Drama 

Com: Fanny Ardant, Melvil Poupaud, Cécile de France 

Classificação etária: 14 anos 

Direção: Carine Tardieu 

Distribuição no Brasil: Elite Filmes  

Sinopse: Dois amantes se reencontram no corredor de um hospital, 15 anos após o primeiro contato.  Shauna tem 71 anos, enquanto Pierre tem 45. Opostos, mas hipnotizados um pelo outro, eles se  reconectam, enquanto Shauna, que já é mãe, avó e viúva, quer reafirmar que ainda é uma mulher e que  a diferença de idade entre eles não importa.  

PETER VON KANT (Peter Von Kant) 

2022 / 1h26 / Comédia, drama 

Com: Denis Ménochet, Isabelle Adjani, Khalil Ben Gharbia 

Classificação etária: 16 anos  

Direção: François Ozon 

Distribuição no Brasil: Bonfilm 

Sinopse: Peter von Kant é um diretor de cinema de sucesso e mora com seu assistente Karl, a quem gosta 

de maltratar e humilhar. Sidonie, uma grande atriz que foi sua musa por muitos anos, o apresenta a Amir,  um belo e modesto jovem. Peter se apaixona por Amir e se oferece para dividir seu apartamento com ele  e ajudá-lo a entrar na indústria cinematográfica. O plano funciona, mas assim que ganha fama, Amir  termina com Peter, deixando-o sozinho para enfrentar seus demônios.  

Indicado ao Urso de Ouro de Melhor Filme no Festival de Berlim em 2022.  

QUERIDA LÉA (Chère Léa)  

2021 / 1h30 / Comédia, Drama 

Com: Grégory Montel, Grégory Gadebois, Anaïs Demoustier 

Classificação etária: 14 anos 

Direção: Jérôme Bonnell 

Distribuição no Brasil: Elite Filmes 

Sinopse: Depois de uma noite de bebedeira, Jonas decide visitar sua ex-namorada Léa, por quem ainda é  apaixonado. Contudo, ele é rejeitado. Atormentado, Jonas vai ao café do outro lado da rua para escrever lhe uma última carta de amor, perturbando assim o seu dia de trabalho e despertando a curiosidade do  dono do café.  

SENTINELA DO SUL (Sentinelle sud)  

2021 / 1h37 / Drama 

Com: Niels Schneider, Sofian Khammes, India Hair 

Classificação etária: 14 anos  

Direção: Mathieu Gérault 

Distribuição no Brasil: Bonfilm  

Sinopse: Após uma operação clandestina que dizimou sua unidade, o soldado Christian Lafayette está de  volta à França. Enquanto tenta retomar uma vida normal, logo se envolve no tráfico de ópio para salvar  seus dois irmãos de armas sobreviventes.  

UM HERÓI (Un héros)  

2021 / 2h08 / Drama 

Com: Amir Jadidi, Mohsen Tanabandeh, Fereshteh Sadre Orafaee 

Classificação etária: 12 anos  

Direção: Asghar Farhadi 

Distribuição no Brasil: California Filmes 

Sinopse: Rahim está na prisão devido a uma dívida que não conseguiu pagar. Durante uma licença de dois  dias, ele tenta convencer o seu credor a retirar a sua queixa contra o pagamento de parte da quantia. Mas  as coisas não correm de acordo com o plano…  

Vencedor do Grand Prix no Festival de Cannes de 2021. Selecionado para a Palma de Ouro.  

UM PEQUENO GRANDE PLANO (La croisade)  

2021 / 1h06 / Comédia 

Com: Lionel Dray, Laetitia Casta, Joseph Engel 

Classificação etária: Livre 

Direção: Louis Garrel 

Distribuição no Brasil: Synapse 

Sinopse: Abel e Marianne descobrem que seu filho de 13 anos, Joseph, está vendendo seus bens mais  valiosos para financiar um projeto ecológico na África. Eles rapidamente entendem que Joseph não é o  único, existem centenas de crianças ao redor do mundo em uma missão para salvar o planeta. 

O CLÁSSICO 

O PAPAI NOEL É UM PICARETA (Le Père Noel est une ordure)  

1982 / 1h23 / Comédia 

Com: Josiane Balasko, Marie-Anne Chazel, Anémone, Thierry Lhermitte, Christian Clavier, Gérard  Jugnot 

Classificação etária: 14 anos 

Direção: Jean-Marie Poiré 

Sinopse: A linha direta parisiense de SOS é interrompida na véspera de Natal pela chegada de personagens  marginais excêntricos que causam desastres em cadeia. Realizado pela trupe Splendid, este filme é a  adaptação de sua peça de mesmo nome, criada em 1979. 

HOMENAGEM AOS 400 ANOS DE NASCIMENTO DE MOLIÈRE 

AS AVENTURAS DE MOLIÈRE (Molière)  

2007 / 2h / Drama, romance 

Com: Alban Casterman, Romain Duris, Fabrice Luchini 

Classificação etária: 14 anos 

Direção: Laurent Tirard e Ariane Mnouchkine 

Sinopse: Em 1644, Molière tem apenas 22 anos. Cheio de dívidas e perseguido por oficiais de justiça, ele  insiste em encenar tragédias nas quais é inegavelmente ruim. E então um dia, depois de ser preso por  credores impacientes, ele desaparece. 

AS SÉRIES 

CHEYENNE E LOLA (Cheyenne et Lola) 

2020 / 8×50′ / Drama 

Com: Veerle Baetens, Charlotte Lebon 

Direção: Eshref Reybrouck 

Showrunners: Virginie Brac, Fanny Talmone 

Sinopse: Cheyenne e Lola é o encontro de duas jovens opostas que se encontram, apesar de si mesmas,  presas em uma engrenagem infernal. Para sobreviver e partir para a conquista de um ambiente que lhes  é muito hostil, elas não têm escolha a não ser unir forças e, pouco a pouco, tornarem-se amigas. 

AS SENTINELAS (Les Sentinelles) 

2022 / 7×50′ / Drama 

Com: Pauline Parigot, Louis Peres, Birane Ba 

Direção: Jean-Philippe Amar 

Showrunners: Thibault Valetoux, Frédéric Krivine 

Sinopse: Na região de Mopti, no Mali, a seção da tenente Anaïs Collet, destacada como parte da Operação  Barkhane, dedica-se a rastrear terroristas. Mas uma emboscada com consequências dramáticas revive as  tensões entre os militares e a população maliana, que aceita cada vez menos a presença francesa. 

JOGOS DE PODER (Jeux d’influence) 

2019 / 6×60′ / Drama, Thriller 

Com: Alix Poisson, Laurent Stocker, Jean-François Sivadier 

Direção e criaçao : Jean-Xavier de Lestrade, Antoine Lacomblez 

Sinopse: Um agricultor com leucemia, um parlamentar idealista, um acusado multinacional, um lobista  disposto a tudo para defender os interesses de seu cliente e um jornalista comprometido: eis os  principais elementos desse jogo de poder. Um thriller emocionante inspirado em fatos reais sobre a  atividade dos lobbies e da indústria fitossanitária. 

O QUE PAULINE NÃO DIZ (Ce que Pauline ne vous dit pas) 

2021 – 2022 / 4×52′ / Drama 

Com: Ophelia Kolb, Grace Seri, Sylvie Testud 

Diretor: Rodolphe Tissot 

Showrunners: Antoine Lacomblez, Julien Capron 

Sinopse: Pauline presencia a morte de seu ex-marido e por um concurso de circunstancias, se torna a  principal suspeita do crime. E cada vez que tenta se justificar, se afunda um pouco mais, até perder a  confiança da sua própria família. 

ÓPERA (L’Opera) 

2021 / 8×50′ / Drama 

Com: Ariane Labed, Raphaël Personnaz, Suzy Bemba 

Showrunners e direçao: Cécile Ducrocq, Benjamin Adam 

Sinopse: Na Ópera de Paris, Zoé, uma bailarina estrela de 35 anos com uma carreira deslumbrante, vive  hoje em excesso: festas demais, amantes, ansiedade… mas ela vai lutar contra a instituição, seus pares e  principalmente contra ela mesma para ter uma segunda chance. 

SÍNDROME E (Syndrome E) 

2021 / 6×52′ / Drama, Policial, Thriller

Com: Vincent Elbaz, Jennifer Decker, Emmanuelle Béart 

Showrunners: Mathieu Missoffe 

Sinopse: Síndrome E é o termo para o comportamento assassino de certos indivíduos. Os policiais  parisienses Franck Sharko e Lucie Hennebelle investigam o mundo arrepiante da manipulação mental e da  neurociência quando cinco cadáveres são encontrados horrivelmente mutilados. Baseado no livro epônimo  de Franck Thilliez. 

A CORDA (La corde) 

2022 / 3 x 50′ / Drama, Fantasia, Thriller 

Com: Suzanne Clément, Jean-Marc Barr, Christa Théret, Jeanne Balibar 

Diretor: Dominique Rocher 

Sinopse: Um pequeno grupo de cientistas isolado em uma base na Noruega descobre uma corda misteriosa  e aparentemente interminável que corre ao longo de seu observatório e na floresta próxima. Alguns  decidem segui-la. A expedição inocente se transforma lentamente em uma busca para desvendar esse  mistério. 

Adaptado do romance alemão homônimo de Stefan aus dem Siepen. 

Siga Festival Varilux de Cinema Francês nas redes: 

Facebook / Instagram / Youtube / Giphy / Spotify: @variluxcinefrances 

Twitter: @variluxcinefr 

hashtag: #FestivalVarilux 

Sobre a Bonfilm 

Além de distribuidora de filmes, a Bonfilm é realizadora do Festival Varilux de Cinema Francês  que, nos últimos 12 anos, promoveu mais de 35 mil sessões nos cinemas e somou um público de  mais de um 1,1 mil espectadores. Desde 2015, a Bonfilm organiza o festival Ópera na Tela,  evento que exibe filmes de récitas líricas em uma tenda montada ao ar livre no Rio de Janeiro,  e que já teve uma edição em São Paulo, além de cinemas de todo Brasil. 

Para outras informações entre em contato 

varilux@agenciafebre.com.br 

Katia Carneiro :: katia.carneiro@agenciafebre.com.br 21- 99978-2881 

Luisa Mattos :: luisa.mattos@agenciafebre.com.br 21 – 99888-0633 

Sarah Lyra :: sarah.lyra@agenciafebre.com.br 21- 97949-1188 

Siga-nos no Twitter @agfebre e no facebook.com/agfebre

Para saber mais, acesse: https://variluxcinefrances.com/2022/

Influências francesas no teatro universitário de Curitiba

Nos dias 20, 21 e 22 de junho acontece o evento “Influências francesas no teatro universitário de Curitiba”, organizado em parceria entre a Aliança Francesa de Curitiba, a Universidade Estadual do Paraná e o  Teatro da UTFPR (TUT).

A programação é composta por palestras, exibição de filmes, peças teatrais e uma exposição itinerante, que ficará em cartaz até 05/09.

Confira a programação completa abaixo!

Programação:

20/06 – 19h30 – Palestra “Molière, um mito no teatro brasileiro”, com Prof. Dr. Walter Lima Torres Neto, da UFPR

Miniauditório da UTFPR – sede centro – Av. Sete de Setembro, 3165 – Rebouças

21/06 – 19h30 – Estreia da montagem audiovisual L’Ébloui, do Atelier de Teatro da Aliança Francesa e Unespar – Grupo de Estudos Teatrais em Língua Francesa e bate-papo com o grupo e com Profª. Drª. Nadia Moroz Luciani, da UNESPAR/FAP

Miniauditório da UTFPR – sede centro – Av. Sete de Setembro, 3165 – Rebouças

22/06 – 19h30 – Influências da pedagogia teatral de Jacques Lecoq no processo criativo do espetáculo OCO, do TUT (2019) –  exibição do documentário Les deux voyages de Jacques Lecoq (documentário em francês com legenda em português) e palestra com o Prof. Dr. Ismael Scheffler, do TUT/ UTFPR.

Abertura da exposição TUT e o teatro francês.

Teatro Laboratório – TELAB – Unespar/FAP – Rua dos Funcionários, 1756 – Cabral

 

EVENTO GRATUITO

Realização: Aliança Francesa de Curitiba – UNESPAR – TUT/UTFPR


Exposição “TUT e o teatro francês”

Exposição comemorativa dos 400 anos de nascimento de Molière e dos 50 anos do TUT – Grupo de Teatro da Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Com fotografias de cinco espetáculos:

  • O doente imaginário, texto de Molière, com direção de José Maria Santos (1983-1984)
  • Médico à força, texto de Molière, com direção de José Maria Santos (1989)
  • Ubu rei, texto de Alfred Jarry, com direção de Ismael Scheffler (2008-2009)
  • As criadas, texto de Jean Genet, com direção de Cauê Krüger (2011)
  • OCO, dramaturgia e direção de Ismael Scheffler, sob influência da pedagogia do teatro do gesto de Jacques Lecoq

 

Onde ver a exposição:

  • De 20 de junho a 08 de julho

Teatro Laboratório – TELAB – Unespar/FAP (Rua dos Funcionários, 1756 – Cabral)

  • De 11 de julho a 05 de agosto

Aliança Francesa de Curitiba (Alameda Prudente de Moraes, 1101 – Centro)

  • De 08 de agosto a 05 de setembro

Pátio coberto da UTFPR – sede centro (Av. Sete de Setembro, 3165 – Rebouças)

 

Exposição integra a programação do evento Influências francesas no teatro universitário de Curitiba

EVENTO GRATUITO

ACESSE O LINK, PARA VISUALIZAR A PROGRAMAÇÃO COMPLETA.

Semana das Aulas Demo

Assim como você, nós também amamos a língua e culturas francófonas. Portanto, neste mês, ocorrerá a Semana das Aulas Demo, ideal para você que quer ingressar nos estudos da língua francesa!

Como será a Semana das Aulas Demo? 

Serão 4 aulas exclusivas e gratuitas, onde você pode escolher o horário e dia que deseja participar, entre os dias 20 e 24 de junho.

Mas o que são as Aulas Demo?

As aulas demo são uma demonstração do ensino AF, e como aplica-se no dia a dia. Você terá a oportunidade de ingressar no mundo AF com nossos professores. Gostou? Não perca essa oportunidade!

É necessário pagar para participar? 

Não! As aulas não têm custo algum, basta você inscrever-se no formulário disponível aqui.

Vamos realizar aulas virtuais e presenciais, com muita interação para você conhecer nosso método de ensino dinâmico e centralizado no aluno.

Participe! Realize sua inscrição gratuita.

 

11º Olhar de cinema – filmes francófonos

Filmes Francófonos no Festival OLHAR DE CINEMA 2022

Dicas da Emanuela Siqueira, crítica, pesquisadora e parceira no Cinescritura

Rewind & Play, de Alain Gomes >> O diretor franco-senegalês faz uma colagem da apresentação, em 1969, do jazzista estadunidense Thelonious Monk, em Paris. Um olhar interessante sobre um artista negro, e figura importante do jazz, se apresentando na tv  francesa.

REWIND & PLAY

Freda, de Géssica Généus >> Diretora haitiana, que estudou em Paris e fundou uma produtora ao voltar ao país. Esse é o primeiro longa-metragem dela depois de um documentário premiado. Freda é falado em creole e francês, se passa em Porto Príncipe e trata sobre a crença no futuro por parte de jovens haitianos, mesmo com tanta instabilidade ao seu redor.

FREDA

Esta Casa, de Myriam Charles >> Diretora de origem haitiana mas que vive em Montreal. O filme estreou esse ano em Berlim e trata do luto e dos sentidos da palavra “lar”. O filme passeia entre gêneros diferentes de narrativas para dar conta da ideia de aliança.

ESTA CASA

A Concha e o Clérigo, de Germaine Dulac >> exibição imperdível do filme da diretoras que já foi tema no nosso Cinescritura especial sobre as Pioneiras do Cinema Francês. Várias técnicas fílmicas e narrativas nesse filme são vanguardistas e merecem atenção.

A CONCHA E O CLÉRIGO

Mandabi, de Ousmane Sembène >> Sembène foi um dos grandes diretores em África, considerado o primeiro realizado na região subsaariana. Apesar deste ser o primeiro filme do diretor que não é falado francês, e sim em wolof – uma das línguas africanas do Senegal –  o diretor é o expoente do cinema francófono em África e o filme tem tudo a ver com as discussões de colonialidade.

MANDABI

Coma, de Bertrand Bonello >> Dirigido por um diretor com passagens no mundo da música e conhecido por filmes como Nocturama e Saint Laurent, esse é um filme híbrido, bem ao estilo do festival, feito na pandemia e mistura de suportes, bom para quem gosta de experiências e discussões sobre as experiências de relacionamentos na pandemia.

COMA

Soy Libre, de Laure Portier >> Aquele tipo de filme bacana porque documenta a existência de alguém, no caso uma irmã filma a passagem para a vida adulta da irmã e um minucioso estudo de personagem da vida real.

SOY LIBRE

Notícias de Casa, de Chantal Akerman >> Esse é um presente, as cartas entre uma das maiores diretoras belga e a mãe enquanto ela passou uma temporada em New York, na década de 1970. Imperdível.

NOTÍCIAS DE CASA

 

PLANTÃO TIRA-DÚVIDAS AF – junho

NOVAS DATAS:Plantões de Tira-dúvidas gratuitos” exclusivamente para os alunos da AF! Os encontros serão virtuais e individuais, com um professor da AF para você esclarecer suas dúvidas em detalhes, durante 20 minutos. Essa novidade é exclusiva, e permite que você tenha um tempo para esclarecer dúvidas da língua francesa fora do horário de aula. Além do mais, esse beneficio foi pensando e criado para você se desenvolver mais no curso de formação em francês.

Lembrando que neste plantão de tira-dúvidas, o encontro não será uma substituição da sua aula, mas sim, um momento de atendimento individual para que você consiga tirar suas dúvidas pontuais sobre temas ou exercícios específicos.

DATA: ÀS SEXTAS-FEIRAS >> VÁLIDO UMA INSCRIÇÃO POR MÊS. As vagas são limitadas: Inscreva-se gratuitamente respondendo o questionário abaixo. LINK: https://forms.gle/vyXYLRXMEFuwd7Jt5 *Você receberá um e-mail de confirmação com o link da aula (zoom).

PLANTÃO TIRA-DÚVIDAS AF – junho

NOVAS DATAS:Plantões de Tira-dúvidas gratuitos” exclusivamente para os alunos da AF! Os encontros serão virtuais e individuais, com um professor da AF para você esclarecer suas dúvidas em detalhes, durante 20 minutos. Essa novidade é exclusiva, e permite que você tenha um tempo para esclarecer dúvidas da língua francesa fora do horário de aula. Além do mais, esse beneficio foi pensando e criado para você se desenvolver mais no curso de formação em francês.

Lembrando que neste plantão de tira-dúvidas, o encontro não será uma substituição da sua aula, mas sim, um momento de atendimento individual para que você consiga tirar suas dúvidas pontuais sobre temas ou exercícios específicos.

DATA: ÀS SEXTAS-FEIRAS >> VÁLIDO UMA INSCRIÇÃO POR MÊS. As vagas são limitadas: Inscreva-se gratuitamente respondendo o questionário abaixo. LINK: https://forms.gle/vyXYLRXMEFuwd7Jt5 *Você receberá um e-mail de confirmação com o link da aula (zoom).

PLANTÃO TIRA-DÚVIDAS AF – junho

NOVAS DATAS:Plantões de Tira-dúvidas gratuitos” exclusivamente para os alunos da AF! Os encontros serão virtuais e individuais, com um professor da AF para você esclarecer suas dúvidas em detalhes, durante 20 minutos. Essa novidade é exclusiva, e permite que você tenha um tempo para esclarecer dúvidas da língua francesa fora do horário de aula. Além do mais, esse beneficio foi pensando e criado para você se desenvolver mais no curso de formação em francês.

Lembrando que neste plantão de tira-dúvidas, o encontro não será uma substituição da sua aula, mas sim, um momento de atendimento individual para que você consiga tirar suas dúvidas pontuais sobre temas ou exercícios específicos.

DATA: ÀS SEXTAS-FEIRAS >> VÁLIDO UMA INSCRIÇÃO POR MÊS. As vagas são limitadas: Inscreva-se gratuitamente respondendo o questionário abaixo. LINK: https://forms.gle/vyXYLRXMEFuwd7Jt5 *Você receberá um e-mail de confirmação com o link da aula (zoom).

PLANTÃO TIRA-DÚVIDAS AF – junho

NOVAS DATAS:Plantões de Tira-dúvidas gratuitos” exclusivamente para os alunos da AF! Os encontros serão virtuais e individuais, com um professor da AF para você esclarecer suas dúvidas em detalhes, durante 20 minutos. Essa novidade é exclusiva, e permite que você tenha um tempo para esclarecer dúvidas da língua francesa fora do horário de aula. Além do mais, esse beneficio foi pensando e criado para você se desenvolver mais no curso de formação em francês.

Lembrando que neste plantão de tira-dúvidas, o encontro não será uma substituição da sua aula, mas sim, um momento de atendimento individual para que você consiga tirar suas dúvidas pontuais sobre temas ou exercícios específicos.

DATA: ÀS SEXTAS-FEIRAS >> VÁLIDO UMA INSCRIÇÃO POR MÊS. As vagas são limitadas: Inscreva-se gratuitamente respondendo o questionário abaixo. LINK: https://forms.gle/vyXYLRXMEFuwd7Jt5 *Você receberá um e-mail de confirmação com o link da aula (zoom).